#35 Tio Rui

máriomacedo-5

Tio Rui, de Mário Macedo

2011; 32’

Realização: Mário Macedo
Documentário; M/12 anos

Sinopse: O tio Rui tem de voltar. Depois de 72 horas em liberdade, o filme segue-o nos seus últimos momentos antes de voltar. Um retrato pessoal do realizador sobre o seu tio e a família que o rodeia, assim como a noção do tempo.

Anúncios

#35 Maria Sem Pecado

2Maria Sem Pecado, de Mário Macedo

2016; 29’

Realização: Mário Macedo
Documentário; M/12 anos

Sinopse: Após passar 10 anos na cadeia (Tio Rui, 2011), Rui volta a viver com a mãe, que, na sua ausência, começou a mostrar sinais de Alzheimer e agora luta para reconhecer o seu filho mais novo.

#36 A Volta da Revolta

4

A Volta da Revolta, de Mário Macedo | CURTA CONVIDADA

2018; 25’

Realização: Mário Macedo

Documentário; M/12 anos

Sinopse: Passados quinze anos, Rui está de volta à rotina. Numa tentativa de se libertar dos fantasmas do passado, enceta numa viagem, física e espiritual, pelos locais que lhe mudaram a vida.

#36 “Rio entre as Montanhas”

ARRTTM_Still_07

“Rio entre as Montanhas”, de José Magro

2018, 9’50’’

 

Com: Kong Wei Si, Wu Yi Fan, Niu Jin

Argumento: José Magro, Miguel da Santa, Tiago Carvalho

Direcção de Fotografia: Miguel da Santa, Tiago Carvalho

Edição: José Magro, Miguel da Santa, Tiago Carvalho

Director de som: Dinis Henriques, Tiago Cardoso

Produção: Hugo Ramos | Curtas Metragens C.R.L.

Sinopse: Tal como um homem que começa a descobrir o amor na sua vida, um rio encontra o seu caminho por entre as montanhas.

#36 “JOHN”

plano_criança

“JOHN”, de Rita Ornellas

2018, 12’

 

Com: John Fargo

Realização e Argumento: Rita Ornellas

Câmara e direcção de fotografia: Vasco Araújo e Pedro Azevedo

Som: Artur Pires

Música Original: Pedro Gonçalves

Edição: Natacha Oliveira

Produção: Francisca Nogueira e Rita Ornellas

 

Sinopse:  Em 2043, a existência humana está imersa num mar de apatia. Apesar de ser um futuro fictício, parece ser para aí que rumamos inevitavelmente.

#34 Sessão para famílias

07 - mimik.png

Shortcutz Guimarães | Sessão para Famílias

em parceria com MONSTRA | Festival de Animação de Lisboa

48’

 

A Caixa / The Box

Merve Cirisoglu Cotur | Reino Unido | 2016 | 7’

 

O precioso pertence de uma criança da Síria é apenas uma caixa, que é usada com várias finalidades – um brinquedo, uma casa e até um barco.

 

Canto / Corner

Lucija Mrzljak | Estónia | 2016 | 2’

 

A vida é difícil no canto, no ângulo onde todas as arestas se encontram. Tudo é geometricamente relativo quando as leis da perspetiva e da gravidade começam a pregar partidas em ti.

 

 

Geno

Dato Kiknavelidze | Geórgia, Alemanha | 2017 | 13’

 

Um sapo rabugento e solitário, Geno, e os seus vizinhos são forçados a procurar um novo habitat pois um canteiro de obras invade a lagoa onde moram. Geno apenas se importa consigo mesmo… Mas ele terá de perceber que somente em colaboração com os outros, todos serão capazes de salvar a sua casa e sobreviver.

 

 

Deixa Uma Marca / Leave a Print

Christina S. Nerland | Reino Unido | 2016 | 5’

 

Uma família de raposas árticas aprende a lidar com o facto de que uma delas está a desaparecer. Uma história sobre perda e lembranças.

 

 

Pequenos Soldados / Tiny Troopers

Pauline Champetier | Dinamarca | 2016 | 1’

 

Pequenos soldados reúnem forças para curar a floresta ferida; no entanto, o problema é, em última instância, demasiado grande para os animais o consertarem sem ajuda.

 

 

Safari

Erica Gualandi | Reino Unido | 2017 | 3’

 

Safari é uma curta-metragem que segue o encontro entre uma jovem rapariga tribal e uma girafa, retratando o desenvolvimento da sua relação num mundo surreal.

 

 

Mímica / Mimik

Petra Varga | Hungria | 2016 | 4’

 

Dois mimos estão a ter o seu almoço invisível no parque quando um pombo passa por eles. Louis está ansioso para alimentar o pássaro, mas a emoção não é mútua – o amigo Jean-Pierre parece ter toda a atenção. Assim, Louis deixa de ser um tipo fixe e tem apenas um objetivo: acabar com a alegria transbordante do seu amigo.

 

 

O Horizonte de Bene / Bene’s Horizon

Jumi Yoon and Eloic Gimenez | França | 2016 | 13’

 

Na savana Africana, Bene é uma criança que sobrevive sob domínio de caçadores sanguinários. Mas um dia, depois de conhecer um gorila bebé, torna-se a sua vez de ser caçado.

Shortcutz Guimarães abre portas às famílias

01 - the box.jpgSapos rabugentos, raposas que desvanecem e mimos que degustam um almoço invisível. São ingredientes que nos remetem de imediato para o universo infantil e para o cinema de animação. E será com eles que se vai fazer a primeira sessão do Shortcutz Guimarães dedicada a famílias, marcada para o próximo dia 16 de Março.

O Shortcutz Guimarães vai passar a mostrar, a cada dois meses, curtas-metragens pensadas para o público infantil, até aos 12 anos, em sessões que se estendem a toda a família. Tal como as sessões regulares, os filmes serão exibidos na sede do Cineclube de Guimarães e têm entrada livre. Estão marcadas para sábado, às 10h00.

A primeira sessão dedicada a famílias do Shortcutz Guimarães é programada em parceria com o Monstra, Festival de Animação de Lisboa. Ao longo de cerca de uma hora, reúnem-se oito curtas-metragens (“A Caixa”, “Canto”, “Geno”, “Deixa Uma Marca”, “Pequenos Soldados”, “Safari”, “Mímica” e “O Horizonte de Bene”) de sete países diferentes, oferecendo uma panorâmica sobre o cinema de animação que se faz um pouco por toda a Europa – do Reino Unido à Estónia, passando por França e Hungria.

A sessão de 16 de Março é a primeira das duas novidades introduzidas este ano pelo Shortcutz Guimarães na sua programação. No mês seguinte, (17 de Abril, 22h00) acontece a primeira sessão de curtas-metragens internacionais.

Antes disso, o mês de Março ainda tem mais duas sessões do Shortcutz Guimarães. No dia 27, a segunda sessão regular de 2019 tem como convidado o realizador Mário Macedo, que apresenta o seu mais recente filme “A Volta da Revolta”. Esta curta-metragem encerra uma trilogia iniciada com “Tio Rui” (2011) e continuada em “Maria Sem Pecado” (2016). Estes dois filmes serão exibidos na véspera (26 de Março), numa sessão especial, marcada também para a sede do Cineclube de Guimarães. Ambas as sessões têm início às 22h00 e entrada livre.