#20 “Por Tua Testemunha”

Por tua testemunha.jpg

“Por Tua Testemunha”, de João Pupo

18’; 2018

 

Com: Fernando Rodrigues, Manuel Almeida e Sousa, Paula Só, David Pereira Bastos

Realização/argumento: João Pupo

Adaptação livre do conto “A Testemunha”, de Manuel da Fonseca

Direcção de Fotografia: Paulo Menezes

Chefe Electricista: José Manuel Rodrigue

Direção De Arte/Guarda Roupa: Andresa Soares

Directora de Som: Raquel Jacinto

Montagem de Imagem: Micael Espinha

Montagem de Som: António Porém Pires ~

Mistura de Som: Tiago Matos

Música Original: Gonçalo Pratas

Correcção de Cor: Andreia Bertini

Director de Produção: Tiago Hespanha

Produção: Terratreme

 

Sinopse:  Ivo Moura é um homem que tem um propósito bem definido mas a natureza desvia-o do seu caminho.

Anúncios

#20 “Surpresa”

Surpresa.jpg

“Surpresa”, de Paulo Patrício

08’40’’; 2017

 

Realização/Argumento/Fotografia: Paulo Patrício;

Montagem: Joana Amorim, Nuno Amorim

Música: Yasuaki Shimizu & Saxophonettes

Som: Duarte Ferreira

Produção: Nuno Amorim, Vanessa Ventura, Animais AVPL

 

Sinopse: Curta-metragem de animação documental que tem como base uma conversa gravada entre mãe, Joana, e filha, Alice, com 3 anos de idade e a recuperar de um cancro do rim. Ao longo da conversa falam, de uma forma muito aberta e franca, sobre a doença, o presente, as lutas e conquistas de ambas.

#20 “L’Opera-Mouffe”

Varda.jpg

“L’Opera-Mouffe”, de Agnès Varda

CURTA CONVIDADA | 60 Anos Cineclube  

17’00’’; 1958

 

Com: Dorothée Blanck, Antoine Bourseiller, André Rousselet

Realização / Argumento: Agnès Varda

Fotografia: Sacha Vierny

Montagem: Janine Verneau

 

Sinopse: A Ópera-Mouffe é o bloco de notas de uma mulher grávida, no contexto de um documentário sobre o bairro da rua Mouffetard, em Paris, apelidada “la Mouffe”. É um documentário subjetivo, com fotografia de Sacha Vierny e música de Georges Delerue

Voltar a 1958 com Agnès Varda

Still2.png

Em mês de aniversário do Cineclube, o Shortcutz Guimarães propõe uma viagem a 1958, ano de fundação da associação, para (re)ver uma das primeiras curtas-metragens de Agnès Varda, uma realizadora que tem um lugar especial na história de 60 anos que se celebra em Maio.

“A Ópera Mouffe” é o filme convidado numa sessão especial em que o Shortcutz de Guimarães canta os parabéns ao Cineclube. Aos 89 anos, a realizadora continua no activo e, no ano passado, lançou Olhares-Lugares, em parceria com o artista JR. Mas é aos primórdios da sua carreira que regressaremos neste mês.

Este documentário, filmado enquanto a realizadora estava grávida, é um bloco de notas de uma mulher que observa o bairro da rua Mouffetard, em Paris, apelidada “la Mouffe”. O filme tem fotografia de Sacha Vierny e música de Georges Delerue e recebeu, entre outros, os prémios da Federação internacional de cineclubes na Exposição Universal de Bruxelas e o de Curta-metragem de vanguarda de Paris, ambos em 1958.

Agnès Varda foi a primeira realizadora a ser programada pelo Cineclube. Foi em 1969, quando a associação exibiu “Duas Horas na Vida de uma Mulher” (“Cléo de 5 à 7”), um dos filmes icónicos da Nouvelle Vague, que tinha sido estreado sete anos antes. Ao longo dos 60 anos de história do Cineclube Varda foi a realizadora que mais vezes foi exibida nas sessões regulares.

Em competição nesta sessão estarão os filmes “Por Tua Testemunha”, ficção dirigida por João Pupo a partir de “A Testemunha”, de Manuel da Fonseca, e “Surpresa”, um filme de animação de Paulo Patrício premiado na última edição do festival Curtas de Vila do Conde.

A sessão #20 do Shortcutz Guimarães acontece a 30 de Maio, na sede do Cineclube de Guimarães, às 22h00. Esta é a última sessão competitiva antes da pausa de Verão da programação regular deste festival de curtas-metragens.