Animação premiada em Tribeca é a primeira convidada do ano

ODD

Chama-se “Odd is an egg” / “Odd é um ovo” e é uma curta-metragem de animação que resulta de uma co-produção entre Portugal e Noruega. O filme de Krustin Ulseth é o primeiro convidado do ano no Shortcutz Guimarães, na primeira sessão competitiva de 2018, que se realiza a 28 de Fevereiro (22h00, sede do Cineclube).

O filme foi premiado, em Abril do ano passado, no Festival de Cinema de Tribeca, o evento nova-iorquino criado em 2002 por Robert De Niro, como melhor curta-metragem de animação.

A estreia absoluta do filme tinha acontecido dois meses antes, no Festival de Cinema de Berlim, onde “Odd é um ovo” esteve também nomeado como melhor curta-metragem para o Urso de Cristal.

“Odd é um ovo” será apresentado por Luís da Matta Almeida, um dos produtores executivos, e representante da produtora Sparkle Animation através da qual os artistas portugueses Filipa Gomes da Costa, Osvaldo Medina e Sara Naves fizeram parte da equipa de animação desta obra. A música original é de Fernando Mota.

A sessão de Fevereiro marca o arranque da competição no Shortcutz Guimarães em 2018, com a exibição dos dois primeiros filmes selecionados. “Limbo”, de Rui Pedro Sousa, parte de “A Morta”, de Guy de Maupassant, e é protagonizado pela actriz e bailarina vimaranense Joana Antunes. A segunda curta da sessão #17, “Coerência”, escrita e realizada por Miguel De, é um filme-ensaio, a partir de imagens de arquivo, sobre a construção de uma narrativa.

 

 “Coerência”, de Miguel De

 “Limbo”, de Rui Pedro Sousa

 “Odd é um ovo”, de Kristin Ulseth

Anúncios

#17 “Odd é um ovo”

ODD.jpg

“Odd é um ovo”, de Kristin Ulseth | Curta Convidada

11’48’’; 2016

 

Realização: Kristin Ulseth

Vozes: Andres Smith Ulseth, Lucy Smith Ulseth, Margrethe Roed, Oskar Fjeldstad-Bergheim

Produção: Luis da Matta Almeida e Kristin Ulseth.

 

Sinopse: Odd é um menino de sete anos que vive tão preocupado com bater com a cabeça que a sua vida parou. O quotidiano é manchado pelo medo do que lhe possa acontecer no caminho entre casa e escola ou no recreio. Um dia conhece Gunn, uma abelha destemida e feliz, que vira a vida do menino do avesso e, da forma mais inesperada, Odd livra-se de todas as suas preocupações.

#17 “Limbo”

FRAME 04 copy.jpg

“Limbo”, de Rui Pedro Sousa

22’; 2017

 

Com André Júlio Teixeira, Joana Ji Antunes e Jorge Mota

Realização: Rui Pedro Sousa

Argumento: Luís M. Ferreira, Renata Ramos, Rui Pedro Sousa

Produção: Cristiana Gaspar

 

Sinopse: A história de Limbo desenrola-se enquanto um escritor dedicado chamado Miguel relembra as memórias da sua amante Susana, após a sua morte repentina.

#17 “Coerência”

Coerência.jpg

“Coerência”, de Miguel De

11’26’’; 2017

 

Realização/argumento: Miguel De

Voz: Ricardo Oliveira

imagem, som e pós-produção: Miguel De

Música: Tundra Fault

 

Sinopse: No final da minha vida, quero olhar para trás e ter uma história para contar. Uma história com princípio, meio e fim, com pontos de viragem, com um caminho sem desvios, certeiro, definido, que identifique um padrão. Uma história limpa para contar. Uma história coerente.

Regulamento 2018

shortcutz-logos-box

  1. Objectivo e âmbito

O Shortcutz Guimarães é parte da rede Shortcutz, integrando a plataforma internacional Labz Network. É um evento que pretende estimular a produção de filmes, aumentar a sua visibilidade e promover a discussão entre profissionais, estudantes, amadores e amantes de cinema.

O Shortcutz chegou a Guimarães fruto de uma parceria com o Cineclube de Guimarães e tem uma equipa local de organização que é responsável pela promoção das sessões e por fazer respeitar este regulamento.

O Shortcutz é um festival de curtas-metragens, que se prolonga durante um ano. São organizadas sessões mensais, sempre na quarta-feira de cada mês, que terão lugar na sede do Cineclube de Guimarães, salvo excepção que será oportunamente comunicada nos suportes de comunicação do evento.

Em cada sessão serão apresentadas duas curtas-metragens em competição, bem como um filme/projecto convidado pela organização. As curtas-metragens serão sempre apresentadas por pelo menos um elemento das respectivas equipas criativas.

As sessões do Shortcutz encerram para férias e balanço nos meses de Junho, Julho e Agosto. No mês de Janeiro de cada ano são repostos os filmes premiados no ano anterior. Nos restantes meses, entre Fevereiro e Novembro, realizam-se as sessões competitivas, decorrendo, no mês de Dezembro, a sessão final, onde serão atribuídos os prémios anuais.

  1. Elegibilidade

O Shortcutz destina-se a estudantes de cinema, audiovisuais ou teatro, mas também jovens profissionais em início de carreira ou amadores, que podem submeter as suas produções a concurso, de acordo com o presente regulamento.

  1. Categorias premiadas

São 5 as categorias que serão premiadas anualmente no âmbito do Shortcutz. A saber: Melhor curta do ano, Melhor Realizador, Melhor Fotografia, Melhor Intérprete, Melhor Argumento, havendo ainda a possibilidade de serem atribuídas menções especiais.

O júri e a equipa organizadora local reserva-se o direito de não atribuir prémios nas categorias onde entenda que não foram apresentados trabalhos merecedores da distinção.

O prémio de Melhor curta do ano tem o valor pecuniário de 500 euros, financiados pelo Cineclube de Guimarães e pelo Município de Guimarães.

Será ainda atribuído um prémio do público, com base nas votações dos presentes em cada uma das sessões competitivas.

  1. Júri

O Júri do Shortcutz Guimarães é constituído por dois membros da equipa de organização local do evento, um representante do Cineclube de Guimarães e dois criadores da área do cinema, artes visuais ou multimédia, escolhidos pela organização local. O nome dos jurados, a quem cabe escolher os vencedores finais de cada ano do Shortcutz são anunciados nos suportes de comunicação do evento até ao final de Outubro de cada ano.

  1. Datas e custos

Podem ser candidatados filmes para serem apresentados pelo Shortcutz Guimarães ao longo de todo o ano, uma vez que se trata de um evento anual. Os filmes concorrentes têm que ter sido produzidos nos 18 meses anteriores à data de submissão. A inscrição é gratuita.

  1. Inscrição e características

As inscrições para a competição no Shortcutz Guimarães devem ser remetidas por email para guimaraes@shortcutznetwork.com, sendo acompanhadas de link para visualização da curta-metragem, ficha técnica e de uma breve discrição/sinopse da obra.

As curtas-metragens interessadas em competir no Shortcutz Guimarães terão que ter sido produzidas em Portugal. A duração máxima são 15 minutos. É obrigatório que haja disponibilidade por parte de pelo menos um membro da sua equipa para a apresentar aquando da sua exibição.

  1. Selecção

A selecção e programação das curtas-metragens a serem exibidas em cada uma das sessões mensais do Shortcutz Guimarães são da responsabilidade da equipa de organização local do evento.

  1. Questões não previstas

As decisões sobre matérias que não constem neste regulamento são da responsabilidade da equipa de organização local do Shortcutz Guimarães.

“Carga”, de Luís Campos, vence Shortcutz Guimarães 2017

21534578_10154998339581235_500729747_o

“Carga”, filme realizado por Luís Campos, é a melhor curta-metragem do ano no Shortcutz Guimarães. A decisão do júri foi anunciada na sessão de entrega de prémios que aconteceu esta quarta-feira, na sede do Cineclube de Guimarães, encerrando o ano de programação do micro-festival que no ano passado chegou à cidade. “Marasmo”, com dois prémios, foi a obra mais galardoada deste ano num palmarés diversificado, que sublinhou os méritos de seis filmes.

A obra de Luís Campos foi exibida no Shortcutz Guimarães na sessão de Outubro. Era um dos 14 filmes em competição pelo prémio de melhor curta do ano, recebendo 500 euros, fruto do financiamento que o Cineclube de Guimarães e o Município de Guimarães deram ao Shortcutz na cidade em 2017 – e que foi recentemente renovado por mais um ano.

“Carga” é um filme de 2016, com argumento do seu realizador, Luís Campos, fotografia de Victor Carvalho, som de Maurício D’Orey e edição de Romeu Pinto. Nele, dois rapazes são forçados a tomar parte activa no tráfico de substâncias ilícitas numa pequena vila piscatória. Quando o mais velho prepara um plano de fuga, o mais novo vê-se obrigado a lidar com as adversidades de ser deixado para trás.

Num palmarés particularmente diverso, fruto da qualidade dos filmes em competição ao longo deste ano, a curta-metragem mais premiada foi “Marasmo”, obra de Gonçalo Loureiro, que recebeu o prémio de melhor realizador (ex-aqueo com Gonçalo Almeida, por “Condrong”), bem como o galardão para melhor actor, entregue a Carlos Sebastião. A melhor actriz foi Margarida Moreira, pelo seu papel em “A instalação do medo”, de Ricardo Leite.

A viagem ao universo das rádios pirata dos anos 1980, escrito por Pedro Marques para o filme “78.4 Rádio Plutão”, de Tiago Amorim, venceu o prémio para o melhor argumento.
Pela primeira vez, o Shortcutz Guimarães atribuiu este ano um Prémio do Público. Ao longo das sete sessões competitivas, os espectadores tiveram a possibilidade de valorar os filmes exibidos. O vencedor deste galardão foi “De gente se fez história”, filme de Inês Vila-Cova com uma classificação de 4,4 pontos em 5 possíveis.

Os filmes premiados em 2017 pelo Shortcutz Guimarães serão exibidos novamente numa sessão especial agendada para 24 de Janeiro.

Os prémios da edição 2017 do Shortcutz Guimarães – à excepção do prémio do público – foram decididos pelo júri constituído por Luísa Alvão, produtora, e Samuel Silva, jornalista, os dois elementos da equipa de organização local do Shortcutz, bem como o presidente do Cineclube de Guimarães, Carlos Mesquita, Luísa Sequeira, programadora cultural e realizadora e Eduardo Brito, fotógrafo, argumentista e realizador.

#15: Três Dentes de Ouro

FOTO_TACFILMES_02.jpg

Três Dentes de Ouro, de Diego Lara | Curta Convidada
17’; 2015

Com: Mariana Righetto, Denise da Luz, Nazareno Pereira, Sofia Frozza
Realização: Diego Lara
Argumento: Diego Lara
Produção: Tac Filmes, Bulletree Filmes, Café Maestro Produções, Orbital Filmes

Sinopse: Domitila é uma garota que tem que lidar com os segredos de seus pais adoptivos em meio a solidão de sua nova casa.

#15: Valentina

Valentina

Valentina, de Estevão Mabilia Meneguzzo e André Felix | Curta Convidada

16’; 2017

Com: Gabriela Fabriani, André Emidio, Hernani Heffner, Flavio Migliaccio, Daniel Passi
Realização: Estevão Mabilia Meneguzzo, André Felix
Argumento: Estevão Mabilia Meneguzzo, Juliana Ludof, André Felix
Produção: Estevão Mabilia Meneguzzo, Tiago Marinho, Juliana Ludolf
Director de Fotografia: João Atala
Direção de Arte: Constanza De Córdova
Banda Sonora: Carlos Gualda
Direção de Som: Márcio Bertoni
Efeitos Especiais: Pedro Figueira
Edição: Estevão Mabilia Meneguzzo, Juliana Ludolf, Diego Quinderé
Sinopse: Valentina precisa tomar uma importante decisão em sua vida enquanto trabalha com preservação de filmes na Cinemateca do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

#15: Tabook

Tabook450x270.jpg

Tabook, de Dario van Vree | Curta Convidada
2’ 46’’; 2016

Realização: Dario van Vree
Produção: Tünde Vollenbroek
Estúdio de Animação: Studio Pupil
Argumento: Dario van Vree
Design: Bonnie Mier, Dario van Vree
Paper art: Vera van Wolferen
Animação: Tom Mourik, Michael Sewnarain, Bonnie Mier
Colorista: Daniel Visscher
Música: Nik Phelps
Som: Bob Kommer Studios

Sinopse: Enquanto explora uma livraria, Gwen, uma rapariga de 19 anos, é surpreendentemente atraída por um volume de literatura erótica, garantindo-lhe olhares de desaprovação dos restantes clientes. Será que Gwen vai seguir os seus desejos mais profundos ou deixará o embaraço constrangi-la? “Tabook” olha para o tema do sexo de uma forma divertida, sublinhando o tabu que existe na sociedade acerca da forma como se encara a sexualidade.

Os melhores de 2017

16174899_1361119097301396_6397595657618096073_n

Ao longo deste ano, o Shortcutz Guimarães recebeu mais de 130 filmes para competição, o que representa um crescimento extraordinário em relação às 30 obras submetidas ao primeiro ano de realização deste micro-festival de curtas-metragens.

Destes, foram escolhidos 14 filmes, exibidos ao longo de sete sessões competitivas, sempre na sede do Cineclube de Guimarães. Chegou a altura de escolher os melhores de 2017. Na sessão de Dezembro, que acontece no próximo dia 20, serão anunciados os premiados do ano.

Além do anúncio dos vencedores do Shortcutz Guimarães 2017, a sessão será também assinalada por outros premiados da rede Shortcutz. Assim sendo, a programação de Dezembro será composta integralmente por curtas-metragens galardoadas nas edições internacionais do festival, como Amesterdão, Berlim ou Rio de Janeiro. É uma oportunidade para o público vimaranense ver algum do melhor novíssimo cinema que está a ser feito na Europa e América do Sul.

São sete as categorias a que competem estes 14 filmes: melhores realizador, argumento actor e actriz, bem como um grande prémio para o melhor filme, com um valor monetário de 500 euros, fruto do apoio financeiro da Câmara Municipal de Guimarães ao Shortcutz Guimarães 2017.

A escolha é feita por um júri de cinco elementos, que incluiu a equipa de organização local do Shortcutz (Luísa Alvão e Samuel Silva), um representante da direcção do Cineclube de Guimarães, o seu presidente Carlos Mesquita, bem como Luísa Sequeira, programadora cultural e realizadora, e Eduardo Brito, argumentista e realizador.

A sessão de entrega de prémios do Shortcutz Guimarães 2017 realiza-se no dia 20 de Dezembro (22h00, sede do Cineclube), na véspera do dia mais curto do ano, antecipando a celebração do Dia Mais Curto, a que o Cineclube de Guimarães associa a sua programação regular no dia seguinte.

Os filmes candidatos são:

O Encoberto

A Casa ou a Máquina de Habitar

Cigatriz

Lugar em Parte Nenhuma

Condrong

Atopia

Terra 2084

Marasmo

A Instalação do Medo

Carga 

A Última Manhã

78.4 Rádio Plutão

Laranja Amarelo

De Gente Se Fez História